Cantora, atriz; musa dos palcos, Fafá esparge um carisma por onde passa. Cativa com sua gargalhada e contagia de alegria jovens de todas as idades, seja cantando, seja atuando, tanto no palco quanto na telona do cinema ou na telinha da TV. Em seu show de guitarradas do Pará, ela faz um passeio musical por sua carreira e aproveita para homenagear compositores e intérpretes que admira, num mergulho em memórias antigas e pela vasta e rica cultura da sua terra. O show “Guitarradas do Pará” será apresentado nos dias 24 e 25 de novembro, no Teatro Municipal de Niterói. Do percentual designado a produtora dos shows contratada pela artista, será retirado uma porcentagem pela Verastar (parceira do grupo de corredores) para o evento “Pro Ano Nascer Feliz” – corrida e caminhada solidária, que será organizado pelo Grupo “Amigos que a corrida me deu” a realizar-se no dia 30 de dezembro no Rio de Janeiro. Esses valores serão transformados em alimentos não perecíveis para doação no evento ao INCA/RJ.

Você levou mesmo a sério essa história de se reinventar. Afinal, estar numa novela da Globo e contracenar com o Tonico Pereira não é pra qualquer um. Como você está vivenciando essa experiência?

Não foi apenas a participação na novela ao lado de tantos ícones, tantas estrelas da nossa dramaturgia. Também tenho enfrentado outros desafios, como no caso de minha ousadia em homenagear, no Show dos Famosos, artistas que tanto admiro, como Alcione, Maria Bethânia, Luiz Gonzaga, Roberto Carlos e Adele. E foram dias e dias de muito trabalho, transpiração, aulas com mestres da dança, do canto, da caracterização… E, antes disso, ainda fiz uma participação especial no musical “Dom Quixote de La Mancha”, de Miguel Fallabela. Foram vários desafios e eu, aliás, adoro desafios!

O que você leva da cantora para a telinha?

Eu já tinha feito teatro na  adolescência e participei de algumas montagens posteriormente. Também fiz as novelas “Caminhos do Coração” e “Mutantes”, na Record, e tive a oportunidade de participar de alguns filmes. Acho que no palco também sou uma personagem e não apenas a Maria de Fátima… Talvez seja esta a maior semelhança.

 Como é trabalhar com a Verastar Criações Artísticas e Culturais?

Muito prazeroso porque é uma empresa confiável, profissional, e dirigida por uma amiga competente: Rita Vilani.

 Fale um pouco do show FAFÁ DE BELÉM   e as GUITARRADAS DO PARÁ e em que medida ele irá divulgar teu CD “Do tamanho certo para o meu sorriso”, que ganhou o Prêmio da Música na categoria “Melhor Álbum, Canção Popular”?

O show é baseado no CD que deu origem ao meu novo DVD, de título homônimo. No espetáculo, hits de carreira como Foi Assim, Abandonada, Nuvem de Lágrimas e Bilhete, dentre outros, e inéditas como Asfalto Amarelo e a minha nova música de trabalho: “Meu coração é brega” (que também ganhou um videoclipe maravilhoso gravado no Buraco da Lacraia, reduto LGBT do Rio de Janeiro, e que tem participação do ator Luis Lobianco). “Do tamanho certo para o meu sorriso” é um mergulho em memórias antigas, por Belém, e pela vasta e rica cultura da minha terra. São lembranças, imagens e um revival norteado pela emoção. No repertório, músicas românticas, mas também para cantar e dançar muito!

 Como você está vendo a situação atual da cultura no Brasil e o que pode ser feito quanto às proibições moralistas de peças de teatro e mostras de museus?

Estamos em um período muito nebuloso, de retrocesso, no Brasil e exterior. Só se ouvem notícias negativas, fala-se o tempo todo de violência e corrupção. Mas acho que nossa Democracia ainda é jovem e sujeita a instabilidades. O importante é preservarmos as instituições. Fico, por exemplo, horrorizada quando vejo alguém pleiteando a volta da ditadura militar.

 O que você acha do trabalho da Star Palco?

Embora viva em SP e não possa acompanhar o trabalho da revista com assiduidade, é importante salientar que toda e qualquer iniciativa que incentive à divulgação e promoção dos espetáculos culturais é de vital interesse para a sociedade e, em particular, para nós da classe artística. Longa vida à Star Palco!